Engana-se quem pensa que crescer é a solução para aprender a lidar com as emoções. Mesmo os adultos, vez ou outra, são pegos de surpresa diante de situações emocionais com as quais não conseguem controlar ou conduzir.

Pensando no futuro das crianças da Educação infantil e na carência da sociedade de contar com cidadãos maduros, o Soepas decidiu orientar e capacitar aqueles que lidam diariamente com os alunos e que podem aconselhá-los nas horas de dificuldade: os professores.

Segundo Miqueli Vieira, psicóloga da seção, “a infância é o melhor momento para que as crianças compreendam que é normal e saudável ter emoções, pois elas não são boas e nem ruins em si, porém vitais. O desafio é ajudá-las a conduzir essas reações, por isso pensamos em implementar o projeto com os professores, pois em sala de aula eles darão continuidade ao que já foi feito com as crianças. ”

Por meio de cinco oficinas, os professores tiveram acesso às características da alegria, do medo, nojo, da raiva e tristeza por meio de personagens inspirados no filme “Divertida Mente”. Além disso, eles também aprenderam como controlar e conduzir tais emoções para que elas não se desenvolvam em comportamentos agressivos, eufóricos ou distraídos.

Conduziram o Projeto as funcionárias civis Eleuda Correia e Miqueli Vieira e participaram do projeto as professoras Catiane Guimarães, Mirelle Mota e Rose Rocha.

Confira mais fotos aqui